Porto e seus encantos – Portugal

Publicado por

Como contei nos últimos posts, após passarmos o dia conhecendo Óbidos e Fátima, fomos dormir em Coimbra. Na manhã seguinte, acordamos bem cedo e logo após o café da manhã partimos para o Porto, segunda maior cidade de Portugal. Tínhamos que deixar os carros que alugamos em Lisboa, na Sixt do Aeroporto Francisco Sá Carneiro (OPO) no Porto, às 10:00 da manhã.

MOEDA: euro.

IDIOMA: português.

PERÍODO DA VIAGEM: 05 à 06 de outubro de 2017 – outono.

INTERNET: chip da @easysim4u. Único que pega em mais de 140 países e já chega ao seu destino conectado com internet 4G.

POST >> Abaixo deixo os posts completos das outras cidades portuguesas que passamos nessa Eurotrip:

| LISBOA | SINTRA | ÓBIDOS | FÁTIMA |

 

CITY TOUR – Bus Turístico: Sé do Porto, Torre dos Clérigos, Livraria Lello & Irmão, Reitoria da Universidade do Porto, Igreja do Carmo, Jardins e Palácio de Cristal, Ribeira, Ponte D. Luis I e Estação de São Bento:

Após a entrega dos carros, pedimos um uber van, muito comum na Europa, para nos levar até o nosso hotel. Pagamos €60 pela corrida para 5 pessoas, devido ao excesso de bagagem.

Ficamos hospedadas no Hotel Royal, na Rua Alexandre Herculano – nº 239, bem próximo a Estação de São Bento. Pagamos €80 por 1 diária em um quarto para 5 pessoas com banheiro privativo, mas achamos o banheiro horrível e não recomendamos essa hospedagem. A sorte é que íamos ficar lá somente por uma noite.

Deixamos nossas malas no hotel e fomos conhecer a cidade. Nossa primeira parada foi na Sé do Porto ou Catedral do Porto, um dos principais e mais antigos monumentos de Portugal.

IMG_9686
Sé do Porto – lateral
IMG_9724
Sé do Porto – dentro

A Catedral fica situada no coração do Centro Histórico do Porto, no local mais alto, tendo uma vista incrível de toda a cidade.

IMG_9703
Vista da Sé do Porto

Após a saída da Catedral vimos alguns bus turísticos passando em frente. Foi então que resolvemos adquirir o ticket, pois, percebemos que ele iria otimizar nosso tempo. Compramos o ticket na banca próxima a Catedral. Pagamos €13 para andar 1 dia no ônibus vermelho. Caso for ficar 2 dias, compensa muito, porque o ticket sairá por €15.

IMG_9733
Pelas ruas do Porto

Saindo do ponto que fica em frente a Sé do Porto, seguimos para a Torre dos Clérigos. No caminho, passamos pela Igreja de Santo Ildefonso, na Praça da Batalha, que foi reconstruída de 1730 a 1739.

IMG_9744
Igreja de São Ildefonso – Praça da Batalha

Ainda no caminho para a Torre dos Clérigos, passamos pela Câmara Municipal do Porto. Edifício construído em 1920, mas que só foi concluído em 1957. A torre tem 70 metros de altura e um relógio de carrilhão em seu topo.

img_97492.jpg
Câmara Municipal do Porto

Chegamos a Torre dos Clérigos, o cartão postal do Porto. A torre tem 76 metros e é um dos conjuntos arquitetônicos mais notáveis de todo o país. Atrás da torre, está situada a Igreja dos Clérigos, da Ordem dos Clérigos Pobres. Igreja e Torre, começaram a ser construídas em 1732, e tiveram suas obras finalizadas em 1763. O horário de funcionamento da Torre é de 09:00 às 19:00 todos os dias da semana. O valor do ticket para Torre + Exposição é de €4.

IMG_9760
Igreja e Torre dos Clérigos

Saindo da Torre dos Clérigos, fizemos uma parte do roteiro a pé, já que haviam alguns pontos turísticos bem próximos a ela. Atravessamos a Praça de Lisboa para ir até a Livraria Lello & Irmão, onde foram gravadas cenas do premiadíssimo filme Harry Potter. A Livraria foi inaugurada em 1869 e tem fila para entrar. Você terá que desembolsar €5,50 para tirar uma foto onde o Harry esteve. hahaha

IMG_9765
Livraria Lello & Irmão

Seguindo à esquerda na rua, chegamos a Praça de Gomes Teixeira, onde fica situada a Reitoria da centenária Universidade do Porto, que formou grandes nomes de Portugal.

IMG_9771
Praça de Gomes Teixeira
IMG_9873
Reitoria da Universidade do Porto

Atravessando a rua, está a famosa Igreja do Carmo. De estilo barroco / rococó, sua construção teve início em 1756 e foi concluída em 1756, pela Ordem Terceira do Carmo.

DCIM169GOPRO
Igreja do Carmo

Os azulejos que embelezam a lateral da Igreja, representam cenas ilustrativas à fundação da Ordem das Carmelitas e ao Monte Carmelo. A composição foi desenhada por Silvestre Silvestri, pintada por Carlos Branco e executada nas fábricas do Senhor do Além e da Torrinha, em Vila Nova de Gaia e datados de 1912.

IMG_9794
Igreja do Carmo – lateral

Saindo da Igreja do Carmo, almoçamos por alí mesmo, no Café D’Ouro. Precisávamos de algo rápido, pois, tínhamos que voltar para o bus turístico para continuar o tour.

Após o almoço, passamos pelo Jardim da Cordoaria e ficamos esperando o bus em frente ao Tribunal da Relação do Porto, bem próximo a Torre dos Clérigos.

IMG_9751
Jardim da Cordoaria
IMG_9752
Tribunal da Relação do Porto

Após voltarmos para o bus turístico, nosso próximo destino era o Palácio de Cristal. Construído em 1865, é um ponto turístico que todo turista deveria conhecer. Embora se chame Palácio de Cristal, hoje em dia ele não é nem de cristal, nem um palácio e sim, um lugar de eventos esportivos chamado Pavilhão Rosa Mota.

IMG_0198
Palácio de Cristal

Na parte de trás tem uma praça de alimentação bem lindinha a beira de um lago, com um toque todo especial do outono. Os Jardins do Palácio de Cristal são um charme a parte! Você não pode deixar de conhecer…

IMG_9906
Jardins do Palácio de Cristal

Eu diria que ir aos Jardins do Palácio é aquele programa imperdível quando for ao Porto.

IMG_9904
Jardins do Palácio de Cristal

Como se não bastasse todo esse lugar incrível, fomos conhecer o miradouro e nos surpreender com vista sensacional da Ponte de D. Luis I e do Rio Douro. Nossa vontade era de ter ficado alí sentadas por horas admirando toda aquela beleza!

IMG_9912
Jardins do Palácio de Cristal

Em um dos quiosques da praça de alimentação, vendia a famosa Sidra Portuguesa. Compramos e sentamos para degustar.

IMG_9949
Jardins do Palácio de Cristal

Ficamos por volta de 2 horas nos jardins, mas como ainda queríamos conhecer outros pontos, voltamos para o bus turístico e seguimos o roteiro.

DCIM169GOPRO
Bus Turístico

O próximo destino seria a Ribeira, que fica as margens do Rio Douro. Mas antes, passamos por alguns lugares que merecem ser citados. Um deles é a Casa da Música, principal sala de concertos da cidade e que fica situada na Avenina Boavista. Ela funciona de segunda à sábado de 09:00 às 19:00 e aos domingos e feriados de 09:00 às 18:00.

IMG_9935
Casa da Música

Depois da Casa da Música, seguimos para a parte litorânea da cidade do Porto. Passamos em frente ao Forte de São Francisco Xavier ou Castelo do Queijo, que recebeu esse nome por ter sido edificado sobre uma rocha de granito arredondada, em formato de queijo. Está em uma posição dominante no Oceano Atlântico e fica a pouca distância do Rio Douro.

IMG_9951
Forte de São Francisco Xavier ou Castelo do Queijo

Margeando a orla, passamos em frente a diversas praias e pontos turísticos. A vista do bus turístico é privilegiada. Confira nas duas fotos abaixo…

DCIM169GOPRO
Bus Turístico – ao fundo, o Castelo do Queijo
IMG_0167
Orla da cidade do Porto – Praia dos Ingleses

Continuando na mesma margem, já estávamos margeando o Rio Douro e passamos em frente a Ponte da Arrábida, que não é tão famosa quanto a Ponte D. Luis I, mas também é cheia de charme. Ela liga a cidade do Porto à Vila Nova de Gaia.

IMG_9966
Ponte da Arrábida

Seguindo o roteiro, a próxima parada era enfim na Ribeira, penúltima parada do bus turístico vermelho. Queríamos conhecer de pertinho a Ponte D. Luís I.

IMG_9969
Ribeira vista por outro ângulo

Como disse, descemos na Ribeira e o pôr do sol não iria demorar para acontecer…

IMG_9976
Ribeira

Depois de algumas fotos, seguimos para conhecer a ponte mais famosa do Porto, a Ponte D. Luis I. É uma ponte metálica com dois tabuleiros, que foi construída entre os anos de 1881 e 1888, ligando a cidade do Porto à Vila Nova de Gaia, que são separadas do Rio Douro.

DCIM169GOPRO

O papo rendeu às margens do Rio Douro. Aproveitamos para jantar por alí e curtir o clima gostoso da cidade, que sem dúvida, foi a mais massa que conhecemos em Portugal.

IMG_0274
Ponte D. Luis I

Jantamos no Restaurante A Taverna, que tinha um atendimento sensacional. Provamos a francesinha, prato típico do Porto. É uma espécie de sanduíche feito com linguiça, salsicha fresca, fiambre, carnes frias e bife de carne de vaca, coberto com queijo que depois é derretido. É banhada com um molho à base de tomate, cerveja e piri-piri (picante). Os acompanhamentos são: ovo estrelado (no topo do sanduíche) e batatas fritas.

img_00561.jpg
Francesinha

Ficamos por um tempo aproveitando o clima do lugar, às margens do Rio Douro. Após o jantar, voltamos para o nosso hotel. No caminho, fui conhecer a Estação de São Bento, a Estação Ferroviária do Porto. Teve sua construção iniciada em 1900, mas só em 1916 foi concluída.

IMG_0139
Estação de São Bento

É linda por dentro e por fora. Um destaque especial aos azulejos portugueses que estão na parte de dentro. Não deixe de entrar para tirar algumas fotos!

Logo após, fomos para o hotel descansar, pois, às 06:20 da manhã tínhamos um voo para Madrid, capital da Espanha, segundo país dessa Eurotrip.

POST >> Quer saber como foi nossos dias em Madrid? Clique aqui!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.